Corrida de rua

Corrida de rua: uma aliada da saúde e do trabalho

Seja para manter o corpo em forma ou melhorar os indicadores de boa saúde, a corrida de rua é sempre lembrada quando o assunto é prática de exercícios físicos. Além dos já conhecidos efeitos sobre o corpo, agora, a corrida de rua também tem chamado a atenção das empresas por causa do aumento considerável na qualidade de vida de funcionários que são adeptos da modalidade. Entretanto, como todo esporte, a corrida de rua deve ser praticada sob supervisão médica. Confira agora algumas dicas:

O corpo que corre

Os benefícios da corrida já são conhecidos. O esporte auxilia na perda de peso, no aumento da capacidade cardiovascular e na melhoria da resistência muscular. Entretanto, uma substância é apontada como a responsável por efeitos que vão muito além do que vemos no espelho: a endorfina. Durante uma atividade física, o nosso corpo libera este hormônio que está ligado, entre outras coisas, ao bem-estar.

A corrida de rua é indicada, também, para quem sofre de distúrbios emocionais e psíquicos. Problemas como a insônia, ansiedade e depressão podem ser amenizados com a corrida.

Quem pratica corrida de rua também vive mais. Um estudo feito por universidades na Austrália, analisou o efeito da atividade no corpo humano. Os resultados apontaram que a corrida regular diminuiu em 44% a chance de morte.

E a expectativa de vida subiu em 6 anos para os homens e 5 para as mulheres, em comparação aos sedentários.

No trabalho

O mundo corporativo cada vez mais exige do profissional. Para manter o desempenho e o equilíbrio, as empresas incentivam cada vez mais seus colaboradores a prática da corrida de rua.

Em suas marcas, preparar!

Apesar de não exigir grandes investimentos e estar acessível a todos, alguns cuidados devem ser tomados antes de começar a praticar a corrida de rua. Doenças pré-existentes que eventualmente podem comprometer a saúde do paciente devem ser tratadas ou acompanhadas pelo médico. Um check-up completo também é recomendado para saber se a corrida pode ou não ser prejudicial à saúde do paciente

A corrida de rua dentro do laboratório

O Mello Centro de Diagnóstico, pensando no bem-estar dos colaboradores, iniciou uma proposta de avaliação de saúde. Algumas pessoas sentiram a necessidade da prática de atividade física, e o gosto pela corrida de rua foi sendo fomentado. Com o apoio e o patrocínio do laboratório, os colaboradores começaram a participar de corridas de rua.

Desde então, a procura para participação é cada vez maior,é motivante e a cada corrida de rua o número de participantes cresce com a participação de novos adeptos.

A última participação dos colaboradores foi na corrida pelo GRAAC. Um evento que, além de garantir os benefícios para à sua própria saúde, também leva amparo e carinho ao próximo.

Leve o hábito para a sua vida, sua família, seus amigos e sua empresa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *